Banho das crianças: cuidados que os papais precisam saber

Os papais de primeira viagem costumam ter certa dificuldade em lidar com as crianças no banho. Isso porque em um primeiro momento eles podem ficar receosos em utilizar certos produtos, ou então em fazer movimentos que possam machucar os pequenos. 

Mas, nada de preocupação! Com algumas recomendações básicas, é possível fugir de problemas e garantir um momento pra lá de relaxante – em alguns momentos, até divertido. O segredo? É utilizar os produtos corretos, além de investir na interação. Ou seja, fazer carinho, realizar brincadeiras e outras práticas para que o processo fique mais leve e prazeroso. 

Aliás, são essas questões que vamos explorar neste post. Se você está em busca de segredos para ter mais praticidade, continue conosco. Hoje, vamos te contar dicas úteis para higienizar o seu bebê, o deixando bem mais cheiroso, limpinho e tranquilo. Vamos lá!

Fique de olho na temperatura da água

Antes de tudo, que tal descobrir como ter mais cuidado com a pele da criança no banho? Para tanto, sugerimos que você fique sempre de olho na temperatura da água. Isso mesmo! Segundo os médicos, o recomendado é que a ducha varie entre 36,8 ºC e 37,5 ºC. Ou seja, nunca quente demais! 

Com essa atenção, será possível garantir que o pequeno não se queime e, de quebra, o corpinho consiga manter a sua própria temperatura estável. Outra dica interessante é ir “temperando” o banho. Nesse caso, basta ir colocando um pouquinho de água quente na banheira até que o local alcance a temperatura adequada. 

Assim, antes de levar o pequeno para o local, coloque a mão e teste a água. Esse é o melhor “termômetro” para evitar acidentes e fazer com que o processo seja mais tranquilo para todos. 

Escolha bons produtos para banho do bebê

Não tem jeito: para o banho do bebê é preciso contar com os melhores produtos disponíveis no mercado. Nessa etapa, comece escolhendo um bom sabonete neutro infantil, podendo ser na versão líquida ou em barra. De todo modo, também é ideal que esse componente seja 100% hipoalergênico e à base de glicerina. 

Em seguida, saia em busca de um xampu infantil de qualidade, capaz de deixar o cabelo cheirosinho, limpo e com aspecto de bem cuidado. Nessa etapa, prefira as fórmulas que não irritem os olhos e que estejam de acordo com a faixa de idade do bebê. 

Também é ideal apostar nas versões sem sal, corantes ou parabenos. Com isso, será possível utilizar um item menos agressivo e que, ao mesmo tempo, conseguirá limpar profundamente os fios.

Em paralelo, não podemos esquecer do condicionador infantil, especialmente se o cabelinho da criança for crespo ou cacheado. Ao pesquisar o produto ideal, escolha as versões exclusivas para o público infantil e invista nos componentes menos agressivos para os olhos. Esse hábito simples evitará lágrimas desnecessárias e tornará o banho mais divertido.

Depois do banho vem o hidratante para criança

Ainda não acabamos. Após escolher o shampoo e condicionador para criança, outros produtos precisarão ser utilizados para prolongar o efeito da ducha. Entre eles, um bom hidratante corporal é fundamental. Se possível, prefira as composições veganas ou que sejam as mais naturais possíveis. São itens formulados sem petrolatos ou fragrâncias fortes demais.

Saiba como lavar o cabelo de criança

Não basta escolher o melhor shampoo infantil. Para tornar o banho um momento tranquilo, os papais também precisam saber a melhor maneira de lavar o cabelo dos pequenos. 

Nessa etapa, a sugestão é inclinar a cabeça da criança um pouco para trás, impedindo que a água caia sobre os olhos. Fora isso, é interessante usar pouca quantidade de shampoo para não precisar realizar muitos enxágues. 

Se quiser facilitar, os especialistas ainda sugerem que o pequeno seja envolvido nessa atividade. Como? É bem simples: caso o seu filho já seja grandinho, dê um copo para que ele ajude a jogar água na cabeça. Também é possível realizar essa atividade com o próprio chuveirinho.

Limpe as dobras para garantir uma boa higiene infantil

Além de passar o sabonete por todo o corpinho do bebê, os pais precisam ficar de olho em suas dobras. Entre elas, destacamos aquelas presentes nas axilas, pescoço e, até mesmo, nos genitais. Ao contrário do que muitos adultos imaginam, limpar essas áreas não causará dor ou incômodo ao pequeno, mas sim, o deixará mais relaxado e com uma ótima sensação de bem-estar. 

Aliás, é interessante destacar que, ao higienizar esses pontos, conseguimos eliminar as pequenas sujeiras. Já quando esses resíduos não são removidos, aumentamos as chances de que fungos e bactérias se proliferem, fazendo com que inúmeras doenças dermatológicas apareçam. Fique de olho!

Outros cuidados ao dar banho em criança

  • Nos primeiros meses, você não precisa dar muitos banhos no bebê. O ideal é realizar essa tarefa em dias alternados; 
  • Mantenha as toalhas sempre higienizadas e limpinhas. O melhor é apostar nos modelos de toalhas-fraldas, que são bem fininhas e promovem mais proteção à pele infantil; 
  • Se a criança for muito novinha e começar a chorar, considere virá-la de costas. Basta apoiar o corpinho em uma mão enquanto faz a limpeza com a outra;
  • Quer saber o que colocar na água do banho do bebê? Além do sabonete, condicionador e xampu para criança, é possível adicionar ervas na banheirinha e promover uma ducha terapêutica. Camomila, amido de milho e aveia estão nessa lista;
  • Mantenha as portas e janelas fechadas durante o banho. Esse cuidado é essencial para evitar as correntes de ar frio e não deixar o pequeno vulnerável.

Viu só? Com essas dicas, o banho das crianças será muito mais relaxante e eficiente. Agora, aproveite para compartilhar o link nas redes sociais e fazer com que outras pessoas aprendam esse passo a passo. Temos certeza de que os seus amigos vão adorar ficar por dentro. Até a próxima!

7.3.27