Baby Care: 6 cuidados especiais na higiene dos bebês

A chegada de um recém-nascido é sempre motivo de alegria. Há quem diga, inclusive, que esse é um dos momentos mais especiais para “curtir” o neném. No entanto, os papais de primeira viagem também precisam tomar alguns cuidados especiais ao longo dessa fase, como prezar pela correta higiene dos bebês. 

Normalmente, quem está vivendo essa experiência pela primeira vez, não faz ideia de quantos banhos é preciso dar por dia. Ou então, qual é a temperatura ideal da água e quais produtinhos de higiene devem ser utilizados nessa etapa.

Ficou interessado? Então, não saia daí. No post de hoje, vamos revelar a importância do banho correto, além de outras dicas que podem ser aproveitadas para tornar esse momento mais eficiente e tranquilo. Vem!

#1: saiba como dar banho em bebê

Não é de hoje que falamos sobre a importância do banho para o bebê. Além de ajudar a higienizar o corpinho, esse processo é excelente para estimular o desenvolvimento do pequeno, despertando vários de seus sentidos. 

Porém, não são todos os pais novatos que sabem como realizar essa tarefa adequadamente. Aqui, destacamos que as duchas precisam ser diárias. Fora isso, é necessário ficar de olho na temperatura da água — que deve variar entre 36 e 39º. Sempre procure começar o cuidado pelo rosto do neném, terminando pelas partes íntimas. 

Lembre-se de não mergulhar o umbigo na água e, caso o recém-nascido ainda esteja com o famoso “coto”, procure higienizar a região com álcool 70% após a lavagem.

#2: descubra o que colocar no kit higiene do bebê

Você já se perguntou: “para que serve o kit higiene do bebê”? Provavelmente, sim. De modo geral, esse conjunto consiste em vários produtos próprios para limpar o neném de forma prática e eficaz, sem comprometer a sua saúde e bem-estar. 

Ou seja, são itens desenvolvidos especialmente para esse público — livres de componentes capazes de causar alergias, irritações e outros tipos de incômodos. 

Por isso, e quando falamos sobre a higiene do bebê, é de extrema importância saber o que deve ser comprado e ter esses componentes sempre à mão, tanto na hora do banho, quanto para trocar a fralda. Aqui, destacamos alguns elementos essenciais e que merecem fazer parte da sua lista. São eles:

#3: descubra como fazer a higiene na boca do bebê

Uma dúvida muito comum entre os papais inexperientes é: “quando começar a higiene da boca do bebê?”. De acordo com a Associação Brasileira de Odontopediatria, esse processo deve começar logo após o surgimento do primeiro dentinho. 

De qualquer modo, antes mesmo dele aparecer, é importante que a mãe e o pai já conheçam a importância da higienização correta na cavidade bucal. 

Nessas condições, o ideal é investir em uma escova dental própria para nenéns. É importante que o acessório tenha as cerdas macias e o tamanho adequado para a boca de um recém-nascido. 

Com relação ao creme dental, o cuidado deve ser o mesmo. Jamais utilize uma pasta de dente de adultos para limpar a boca do seu pequeno. Em vez disso, invista em um componente próprio para essa finalidade, com concentração de flúor de, no máximo, 1100 ppm. 

Confira também a quantidade do produto na hora do uso. A dica é adicionar somente 0,1 g de creme dental, que é o equivalente a um grãozinho de arroz. Agora, se o recém-nascido já conseguir cuspir, a recomendação é de 0,3 g — o tamanho de um grão de ervilha.

#4: lave bem as suas mãos

Em tempos de coronavírus, boa parte da população já sabe que as mãos podem ser grandes transmissoras de vírus e bactérias. 

Logo, antes mesmo de iniciar o banho do seu bebê, é necessário que os adultos higienizem muito bem as mãos — especialmente, caso tenham tido contato com superfícies com a chance de estarem contaminadas. 

Ainda é válido ressaltar que inúmeras doenças entre os recém-nascidos podem ser evitadas com esse simples cuidado. Gripes e infecções intestinais estão nessa lista. 

Portanto, toda atenção é pouca. Vai dar banho no pequeno? Com a ajuda de um bom sabonete líquido ou em barra, lave muito bem cada dedo e até a parte inferior das unhas — que, por sua vez, devem estar devidamente limpas e curtinhas. 

#5: fique de olho nas roupinhas

Quando falamos sobre como cuidar da higiene do bebê, devemos atentar a outros detalhes que não se limitam ao banho. Um deles é em relação aos trajes do recém-nascido. 

É de extrema importância que os pais mantenham as crianças com roupas limpas e confortáveis. Tal atenção deve ser redobrada em se tratando de meias e macacões que tenham contato direto com a pele. 

Inclusive, na hora de comprar essas peças, dê prioridade aos modelos confeccionados em fibras naturais. Esse é o caso do linho e do algodão. Leves e macios, esses materiais possuem tramas mais abertas, o que facilita a respiração da pele e diminui as chances de proliferação de bactérias.

#6: troque as fraldas com frequência

Para evitar assaduras e irritações de pele, as fraldas devem ser trocadas com certa periodicidade ao longo do dia. Nessa fase, a melhor saída é lavar as partes íntimas do bebê, fazendo movimentos “de frente para trás”, evitando o contato com os restos fecais. 

Um truque eficiente é utilizar lenços umedecidos ao longo dessa atividade, com foco para aqueles produtos que tenham o mínimo de álcool ou perfume em sua composição. Se preferir, a higienização também pode ser feita com um pedaço de algodão umedecido em água morna e limpa.

Viu só? Esperamos que agora você saiba como cuidar da saúde íntima do bebê. Seguindo esses passos, e com muita informação, essa fase inicial será mais serena e o seu pequeno se sentirá amado e super protegido. 

Caso você tenha curtido o post e queira conferir outros conteúdos iguais a esse, não deixe de seguir nosso perfil no Instagram. Vamos adorar te encontrar por lá!

7.3.27